ff



Uma homenagem ao maior jornalista e blogueiro de Tapera.
quinta-feira, 15 de outubro de 2009
TORNADOS ESTÃO MAIS INTENSOS NO BRASIL

A crença de que o Brasil está imune a ameaças de catástrofes naturais começa a perder força, especialmente em relação à formação de tornados. Um levantamento feito pelo Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas a Agricultura (Cepagri), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), em São Paulo, mostra que os registros desse tipo de fenômeno no país cresceram mais de cinco vezes desde o início da década de 1990. Para especialistas, no entanto, o dado pode ser apenas um indício de que ele sempre existiu por aqui. O que não havia era tecnologia para monitorá-lo.

Embora não seja possível dizer que a ocorrência de tornados é mais frequente nos dias de hoje, para os especialistas, o que mais chama a atenção é a voracidade deles nos últimos anos. “A intensidade, e não a frequência, é o que temos observado. Isso sim, é resultado da diferença de temperaturas. Hoje, elas estão mais elevadas porque regiões de Santa Catarina, por exemplo, que não eram habitadas, passaram a ter asfalto, concreto. A humanização pode ter causado um aumento da temperatura na região, o que contribui para deixar o tornado mais intenso”, analisa a coordenadora do Laboratório de Climatologia da Universidade de Brasília (UnB), Ercília Torres.
Para os meteorologistas, a ocorrência de tornados mais intensos no país pode ser um reflexo do aquecimento global, associado a outros fenômenos, como o incremento das chuvas, por exemplo. “Em São Paulo, temos observado um aumento de 30% no volume de precipitações nos últimos 22 anos”, afirma Hilton Silveira. “Os tornados tendem a aparecer em tempestades mais fortes”, acrescenta.

A ocorrência de três tornados num único dia em Santa Catarina, na noite de 7 de setembro, ajuda a reforçar essa tese. Os ventos, com velocidade perto dos 200km/h, destelharam casas, viraram carros e retorceram estruturas metálicas. Os fenômenos, que atingiram as cidades de Guaraciaba, Salto Veloso e Santa Cecília, chegaram ao nível F2 (181 a 250km/h) da Escala Fujita, que vai até F5 (421 a 530km/h).

Entre 1991 e 2000, o Cepagri não registrava mais do que um tornado por ano em todo o país. Hoje, contabiliza de quatro a cinco. “Em 2005, houve seis casos nos nossos registros. Sempre tivemos acesso a imagens de satélites, mas elas não são precisas para prever tornados e, normalmente, os relatos de pessoas são a forma mais eficaz de monitoramento. O que observo é que, hoje, com câmeras e celulares, é muito mais fácil flagrar um tornado, o que pode explicar o aumento nos registros”, avalia o pesquisador Hilton Silveira, diretor do centro.

Prevenção

Embora seja impossível prever quando um fenômeno desses vai ocorrer, os meteorologistas afirmam que ele é relativamente comum na região entre o Mato Grosso do Sul e o Rio Grande do Sul, principalmente em períodos de mudança de estações — a primavera começa às 18h18 do próximo dia 22. O tornado é uma espécie de redemoinho formado em meio a tempestades, a partir do encontro de massas de ar com diferentes temperaturas. “É o resultado do encontro de massas quentes e frias”, explica Ercília Torres.

O meteorologista Flávio Varone, do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) no Rio Grande do Sul, afirma que a região sempre foi alvo de reações mal-humoradas dos ventos e nuvens. “Tem a umidade que vem do Norte, a do oceano, e frentes frias que surgem da região polar. Quando elas se cruzam, e isso ocorre bem nessa região do país, ocorre nebulosidade, chuvas fortes, granizo e os ventos ficam desordenados”, afirma.

Postado por Leonardo Mayer as 15.10.09 e tem 2 comentarios
2 Comments:
Anonymous Anônimo disse...

post para enterrar assunto das câmeras?

16 de outubro de 2009 08:56  
Blogger Gláucia disse...

Os tornados e os estragos que causam... Muito bom o seu texto.

1 de dezembro de 2009 12:24  

Postar um comentário

Voltar ao blog



Posts mais recentes Posts mais antigos

 
Google
 


   

 



Últimos Posts

ESTAMOS NA ROTA DOS TORNADOS MESMO?
TRANSITO PESADO NAS RUAS CENTRAIS DE TAPERA
GOVERNADORA LIVRA-SE DA AÇÃO DE IMPROBIDADE
SEM CÂMERAS DE MONITORAMENTO
Clique na imagem para ampliar
UMA AÇÃO INEXPLICÁVEL
QUEM PRECISA DE MOTIVAÇÃO PARA VIVER!
RECORDAR É VIVER SIM! E É BOM PARA A ALMA!
É UM PERIGO TRANSITAR PELA RS 223!
FAMÍLIA É TUDO DE BOM!

Arquivos

Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Dezembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Agosto 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011 Março 2011 Abril 2011 Maio 2011 Junho 2011 Julho 2011 Agosto 2011 Setembro 2011 Outubro 2011 Novembro 2011 Dezembro 2011 Janeiro 2012 Fevereiro 2012 Março 2012 Abril 2012 Maio 2012 Junho 2012 Julho 2012 Agosto 2012 Setembro 2012 Outubro 2012 Novembro 2012 Dezembro 2012 Janeiro 2013 Fevereiro 2013 Março 2013 Abril 2013 Maio 2013

 

 

 



WM INTERNET