ff



Uma homenagem ao maior jornalista e blogueiro de Tapera.
quarta-feira, 20 de janeiro de 2010
O QUE VOCÊ TEM A DIZER SOBRE ISSO?

Entre as tantas imagens do terremoto que destruiu o Haiti, uma chama muito a atenção.
Essa imagem do crucifico que restou de uma igreja de Porto Príncipe, destruída pelo terremotto, é antológica. Só restou ele. Alguma explicação para o fato? Ou não tem explicação!



Postado por Leonardo Mayer as 20.1.10 e tem 8 comentarios
8 Comments:
Blogger XANDENEGRÃO disse...

eu já fiz aminha parte me escrevi como voluntario para ir trabalhar lá!,vou usar de meus 12anos na area de PHTLS e meus 3anos como Bombeiro Resgatista,para auxiliar meu irmão,se vc não sabe como faça uma coleta de agua,comida não perecivil e roupas e encaminha para Cruz Vermelha Internacional mais proxima da sua casa,,,,,,e mostra para o seu filho o quanto a humanidade é fragil perante as forças da natureza,não adianta ser um boçal!!!!!!!-+

21 de janeiro de 2010 02:19  
Anonymous Anônimo disse...

A explicação é simples. O símbolo da cruz era como se fosse uma escultura, sem fundação. Ela deve ter balançado junto com o piso, que deu sorte de não ter quebrado. Símbolos são feitos de gesso, concreto, tinta e um pouco de arte... que podem ser refeitos. Acho que ninguém precisa disso para ter fé, muito menos de uma igreja... você pode rezar debaixo de uma árvore, o efeito será o mesmo. Seria milagre se todo mundo tivesse sobrevivido. Muito triste o problema desse povo.

21 de janeiro de 2010 14:56  
Blogger Alessandra Flach disse...

Caro Leonardo Mayer

escrevo novamente em nome do meu pai, João Pedro Flach, taperense sempre atento ao seu blog e às notícias que saem no tapera.net, que pediu para eu enviar uma nota de falecimento do tio dele Lúcio Griebler. Repasso o texto em forma de homenagem e peço sua ajuda para divulgar. O falecimento ocorreu nesta quinta-feira (21), em Formosa-GO, mas o sepultamento será aí em Teutônia, nesta sexta-feira (22).

Homenagem a um filho da terra!

Teutônia perdeu mais um de seus filhos! Nesta quinta-feira (21/01), poucos dias depois de completar 87 anos, Lúcio Griebler nos deixou. Apesar da dor, da saudade, da sensação de que nada poderá curar o buraco que fica em nosso peito, muita coisa ficou para nos acalentar, muita paz, muitas lembranças.
Os vizinhos e amigos perdem o músico, o vizinho tranqüilo, a homem trabalhador. Os sobrinhos perdem o tio contador de causo, aquele que nos fazia rir e chorar com histórias de outros tempos, que nos fazia lembrar daqueles que já nos deixaram.
Os filhos - Marilúcia, Mire, Nei, Rubens, Guido e Erasmo - perdem o pai carinhoso; o olhar complacente de quem conseguiu criar seis filhos com esforço e teve o orgulho de ver todos se tornarem adultos, lhe darem netos; o bonachão, de jeito calmo, sereno; perdem a referência, o herói.
E Formosa perde o "Vovô do Laguinho", que andava diariamente aqueles pouco mais de 100 metros entre a casa dele e o lago da cidade, de bermuda, chinelo e camiseta do internacional, carregando a cuia, a térmica e o baldinho para alimentar seus peixes. Aqueles passeios acabaram e já chamam a atenção dos moradores, que batizaram o lago de "Lago do vovô" em homenagem a ele - já há alguns anos - e que perguntam, aqui e ali, onde está o "Vovô do Laguinho"? Ele está onde desejava: voltando pra casa.
Indo descansar ao lado da esposa, dos amigos de longa data, dos vizinhos, daqueles que partiram antes pra "preparar a festa" lá em cima. Lúcio Griebler, mais um filho de Teutônia, chega nesta sexta-feira para ser velado na cidadezinha que ajudou a criar, que viu crescer e que deixou, alguns anos atrás, para encantar Formosa, lá no Planalto Central. A nós, que ficamos, sobrou a alegria de termos convivido por tantos anos com o "vovô do Laguinho", com o Tio Lúcio, com o pai, com o irmão, o vizinho, o músico, o bonachão. A saudade fica para alimentar nossas lembranças e o amor que permanece no coração.

21 de janeiro de 2010 15:56  
Anonymous Roni Kloeckner disse...

A natureza se auto-controla...
qndo a população é mto densa e a massa passa fome, a mãe natureza de alguma forma acaba interferindo....
epidemias, tsunamis, furracões, terremotos...
Minha opinião:
ou controlamos a NATALIDADE agora, ou muitaaaaa coisa vai acontecer...
pensem nisso, é simples, só imaginar vc pai/mae ao inves de 1 ou 2 filhos ter 15!

21 de janeiro de 2010 21:23  
Anonymous Anônimo disse...

Sobre o comentário do Roni:
A existência de fome e pobreza no mundo não se deve ao excesso de população, e sim à concentração das riquezas nas mãos de poucos. Tanto isso é verdade, que a produção de alimentos de hoje em dia é suficiente para alimentar 3 vezes a população mundial, no entanto ela não é distribuída de forma justa. A idéia de que o controle de natalidade é solução para os problemas do mundo chama-se "mathusianismo" e é ultrapassadíssima. Hoje muitos países da Europa já enfrentam problemas por baixa natalidade e incentivam a população a ter mais filhos, pois um país despovoado ou habitado só por velhos corre muitos perigos. Aliás, não é à toa que China e Índia, os dois países mais populosos do mundo, despontam como novas potências planetárias. A imensa população significa uma imensa massa de trabalhadores e consumidores. Quem difundiu a idéia de controle de natalidade nos países pobres foram os Estados Unidos, com medo de que esses países, com populações grandes, se tornassem ameaças, se constituindo em potências. O Brasil está longe, muito longe, de ser superpopuloso. Pelo contrário, há imensas áreas do país que precisariam ser povoadas para garantir nossa soberania. O que nos falta não é controle de natalidade, e sim uma melhor distribuição de bens e riquezas.

23 de janeiro de 2010 00:43  
Anonymous Roni Kloeckner disse...

Ótima colocação do amigo!
Realmente o AGORA de que me referi ficou sem escala...
Me refiro a um período não inferior 50 anos, até porque vc colocou com sabedoria o risco do desiquilibrio etário. Não vamos longe, o Uruguay passa por esse problema a anos com a migraçao de jovens (inclusive boa fatia entre 18 e 28 anos está no brasil). Cito também o Japão que era exemplo e hoje pena uma possível redução da população.
Realmente tenho uma posição conservadora quanto ao controle de natalidade, pois estou pensando a longo prazo mesmo não sendo um problema para a minha e mais umas 10 gerações futuras. Este não deve ser um ato imediatista, mas que perdure estrategicamente na gestão do países.
COncordo plenamente que a distribuição é injusta. Mas pensando no futuro e na irreversível cadeia do consumismo/extrativismo, certamente em algum momento algumas fontes vão secar.

25 de janeiro de 2010 10:36  
Anonymous Anônimo disse...

Boa pessoal !
Os dois anteriores pensaram por partes, o passado e o futuro.
Pensaremos o presente c/ estes ingredientes entre outros.
Para as presentes e futuras gerações.
Economicamente rentavel, socialmente justo e ambientalmente correto.
Sociedade sustentável X Economia dominante por exploração ?

25 de janeiro de 2010 16:24  
Anonymous Anônimo disse...

QUE CONVERSA CANSATIVA,RONI E ANONIMO.......

26 de janeiro de 2010 14:40  

Postar um comentário

Voltar ao blog



Posts mais recentes Posts mais antigos

 
Google
 


   

 



Últimos Posts

INCONSEQUÊNCIA AQUI NÃO!
PRA QUEBRARO GELO, DUAS OCORRÊNCIAS POLICIAIS
BRIGA BRASIL E EUA PELO HAITI
TERRENOS BALDIOS NA MIRA DA ADMINISTRAÇÃO
OS HORRORES QUE VEM DO HAITI
O CAOS NO HAITI E NOSSOS TERRENOS TOMADOS PELO MAT...
AJUDA BRASILEIRA AO HAITI
OLHA A DENGUE AÍ GENTE! ABRA O OLHO!
CORRIGINDO 20 VELHOS DITADOS
CRIAÇÃO DE ANIMAIS PERÍMETRO URBANO - CIDADE

Arquivos

Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Dezembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Agosto 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011 Março 2011 Abril 2011 Maio 2011 Junho 2011 Julho 2011 Agosto 2011 Setembro 2011 Outubro 2011 Novembro 2011 Dezembro 2011 Janeiro 2012 Fevereiro 2012 Março 2012 Abril 2012 Maio 2012 Junho 2012 Julho 2012 Agosto 2012 Setembro 2012 Outubro 2012 Novembro 2012 Dezembro 2012 Janeiro 2013 Fevereiro 2013 Março 2013 Abril 2013 Maio 2013

 

 

 



WM INTERNET